Profissão LOL – Musa pornô

8 de maio de 2013 // By: // 33 Comments

 

Ela é dotada de uma beleza notável. Pele branca, seios pequenos, cabelos negros e sorriso generoso, poderia figurar na capa de qualquer revista de moda. Mas aos 26 anos, a americana descendente de escoceses e sérvios fez da sua curta carreira pornô uma das mais bem sucedidas da atualidade.

Stoya é uma jovem inteligente, retraída, o oposto do esterótipo que fazemos de atrizes pornôs. Extremamente simpática e acessível, ela topou de pronto falar com a gente por e-mail sobre sua carreira, vida e planos futuros.

 

Fale um pouco de você para aqueles que não vivem na terra

Oi, eu sou a Stoya. Sou uma atriz de filmes adultos na Digital Playground (o que significa que eu faço sexo em frente às câmeras para os filmes pornôs deles), escritora na Vice e ocasional aerialista (eu faço umas coisas de ginástica em uma argola suspensa no ar).

 

Melhor que Cirque du Soleil

Você parece ter sido uma criança bem nerd. Educada em casa, você se graduou no ensino médio antes de completar 16 anos e já futicava no DOS aos três! Você se considera uma nerd?

Eu nem sei dizer o que é considerado nerd hoje em dia. Sou introvertida, gosto de livros e sou um pouco estranha socialmente, mas eu não sei.

Você disse que lê muito. Algum livro favorito? O que você anda lendo no momento?

No momento estou lendo Gun Machine, do Warren Ellis, pela terceira vez. É maravilhoso! O meu livro preferido de todos os tempos é provavelmente Spangle, do Gary Jenning, mas eu amo qualquer coisa da série Discworld, do Terry Pratchett.

 

Depois de tentar algumas faculdades você desistiu. O que te fez tomar essa decisão?

Uma “boa” faculdade é cara e não fazia sentido pagar tão caro por uma faculdade de arte ou inglês que dificilmente pagaria por si mesma.

 

Os baixos salários privaram o sistema de educação público de uma excelente professora de inglês

 

A carreira no mundo pornô tem ficado cada vez mais curta, especialmente para mulheres. Você tem planos para se aposentar? O que você pensa em fazer?

Eu acho que entendo o que você quer dizer, mas gostaria de salientar que as MILFs, ou mulheres mais velhas, são bem populares. Há vários papeis para mulheres acima dos 25.  Dito isso, eu certamente estou trabalhando em possibilidades de carreira fora do mundo pornô. Com todas as leis sendo aprovadas e discutidas na Califórnia não seria inteligente ter a pornografia como meu único emprego. Ademais, não trabalho em tempo integral e não fazemos cenas com muita frequência, de modo que eu tenho muito tempo livre para explorar outras coisas.

Eu adoraria poder escrever mais quando for mais velha.

Com quem você mais gostou de contracenar?

Eu sempre gosto de trabalhar com  o James Deen, a Jesse Jane e a  Kayden Kross e me divirto muito com as orgias que Digital Playground geralmente tem ao fim das grandes produções. A Katsuni será para sempre uma de minhas atrizes preferidas, tanto no trabalho como na vida pessoal.

Com quem você gostaria de trabalhar?

Eu amaria trabalhar com o  Rocco Siffredi.

O quanto de atuação entra em uma cena pornô? É possível ser uma péssima atriz mas uma grande atriz pornô?

Depende dos atores envolvidos. Alguns atuam o tempo todo, outros se focam inteiramente em fazer um sexo divertido com o parceiro ou parceiros. Isso também depende da companhia por trás do filme e do diretor. É plenamente possível não ter nenhum talento para atuação e mesmo assim ser uma atriz pornô envolvente e bem sucedida.

 

Eu sei que seu coração TREMEU

 

Você se vê fazendo a transição para a carreira de atriz “normal”?

Eu faria um filme do John Waters em um piscar de olhos, mas não tenho muito interesse em fazer filmes normais.

 

Na indústria pornô brasileira é obrigatório o uso de camisinha. Nos EUA a gente quase não vê. Quais são as medidas que vocês são obrigados a tomar para manterem-se saudáveis?

Todos os atores profissionais são testados para gonorreia, clamídia e HIV ao menos uma vez a cada quatro semanas. Muitas companhias (incluindo a Digital Playground) exigem que o teste tenha no máximo duas semanas. Não é obrigatório, mas ao menos uma vez ao ano eu peço que meu médico faça exames para tudo que ele possa pensar. Conheço outros profissionais que fazem o mesmo.

Eu achei ESSA a sua cena mais sexy. Sou doente?

De jeito nenhum. Esse vídeo ofusca as barreiras entre a arte, o erótico e o pornográfico. Tenho muito orgulho dele. O Clayton Cubitt,  o artista que teve a ideia e filmou, também.

Alguma palavra final para os fãs brasileiros?

Eu queria saber um pouco de português. Talvez eu tenha que fazer uma visita para ver se aprendo um pouco :)