Divã do Sicko: quero me prostituir

Oi Sicko… Vou usar o nome “Scarletty” para me apresentar por aqui… Mas antes de contar o meu problema em questão, aqui vai um breve resumo da minha vidinha, assim talvez seja mais fácil entender o fim da história.
Eu tenho 24 anos, moro com meus pais em São Paulo, estou desempregada e dou uns rolezinhos furados de fim de semana pra distrair. Eu quase me formei em Química, mas tranquei o curso por N motivos. Passei por inúmeros empregos e nunca nenhum deu certo.

Atualmente estou solteira há um bom tempo. Todos os meus namorados eram sentimentalmente mal-resolvidos e descontavam em mim a frustração deles por não terem brincado de boneca quando eram criança.

Eu nunca traí nenhum namorado, não sou uma mulher vulgar, não me porto como uma e sou na maior parte do tempo um pouco tímida e reservada.

Mas claro, sou humana e tenho minhas necessidades, então sempre tem um affair ou outro pra passar o tempo… Mas aí eu paro pra pensar, e vejo que eu trepo com imbecis que nem sabem falar meu nome direito e às vezes ainda tenho que rachar a conta do motel. Quando começo a namorar, tenho que inventar que o “escolhido” da vez é sempre o quarto ou o quinto homem que já me comeu, quando na verdade já foram uns vinte e poucos… Afinal, homem pergunta nosso passado, mas se falamos a verdade já viu né?

Minha mãe fala que “Passado de mulher é que nem cozinha de restaurante barato: Se você for conhecer, perde o apetite não come mais lá!”.

O motivo pelo qual escrevi pra você é porque estou numa crise doida cheia de dúvidas sobre uma decisão que estou prestes a tomar:
Quero virar garota de programa.


Comentei isso com uma amiga, e ela me veio com um monte de pedras na mão, falando que sou inteligente e que posso fazer algo melhor, assim como ela. Mas ela trabalha com TELEMARKETING e ganha uma miséria, mesmo sendo formada, não conseguiu trabalho descente… Eu não acho que preciso estar desesperada ou ser BURRA para me tornar garota de programa, afinal, nem toda puta é “surfistinha” e sonha em ir no programa da Luciana Gimenez dar um depoimento.

Eu posso ser garota de programa e ler Bukowsky (aliás, uma coisa tem tudo a ver com a outra), ouvir Radiohead e sentar numa mesa de bar com uns amigos pra discutir socialismo e política utópica.

Claro que não vou virar puta de rua e nem de puteiro, a minha intenção é trabalhar com esses sites de “acompanhantes” de luxo, afinal papai-do-céu não me deu sorte na vida, mas me deu ótimos dotes físicos, fui “miss” no meu colégio duas vezes e estou bem satisfeita com meu corpo.

A questão moral é que me pega, de fato. Mas será que tem muita diferença entre vender minha buceta por dinheiro ou me casar com um bosta e sustentar um casamento de fachada mesmo não sendo feliz? De qualquer forma, é uma agressão ao corpo, seja ela física ou psicológica, né?

Boa parte do dinheiro que uma prostituta ganha é para investir nela mesma: Beleza, roupas, tratamentos estéticos, e etc…

Ela mesma faz os próprios horários de trabalho, não tem chefe cobrando, não tem metas absurdas para atingir além, é claro, da “satisfação do cliente em primeiro lugar”, mas isso está em qualquer área de trabalho.

Ela não fica triste se o cara não ligar no dia seguinte e não tem que levar pra casa “um porco inteiro só por causa de uma linguiça”… Satisfaz suas necessidades fisiológicas, e ainda é PAGA pra isso.

O que tira o meu sono é pensar nos valores morais mesmo, vivemos numa sociedade hipócrita pseudo-moralista aonde 90% dos homens recorrem às prostitutas mas elas ainda são vistas como lixo.

Eu não sei o que fazer! Me pego todos os dias pensando nisso mas não consigo criar coragem… Esse não é o futuro que sonhei pra mim quando estava no colégio, mas agora me parece uma boa opção. Morro de medo dos meus pais descobrirem, meus amigos e parentes… Se não fossem essas outras pessoas, seria de boa, porque minha consciência não iria pesar, afinal meus conceitos sobre o que é certo ou errado não foram erguidos com uma base moralista hipócrita.

Eu admito que todas as minhas desilusões amorosas e profissionais foram a maior influência nessa decisão, mas não é só isso. Não que eu sinta tesão em pensar em ter uma vida de puta, afinal, eu sei MUITO BEM que não deve ser fácil. Mas essa ideia e todos os prós disso me atraíram de uma forma absurda, e estou há um passo de botar isso em prática.
Ai Sicko, eu tô fazendo merda? Sei que você não é um moralista antíquado, então a sua opinião realmente irá pesar pra mim.

Beijos,
“Scarletty”

Amada aprendiz de Jacutinga,

Ê vida boa, seus melhores amigos lhe pagam por hora

Embora a resposta para a sua pergunta seja CLARA como bukkake de albino, não posso fornecê-la por um simples motivo: ao fim das contas trata-se de uma escolha pessoal.

É seu corpo que vai ser vendido, o meu não está a venda (desisti de vender quando soube que nem todos os bancos das Ilhas Cayman seriam capazes de ESTOCAR toda a fortuna que ele renderia).

Pau do Sicko: 560 pontos em Wall Street

Você afirma não ter problemas morais em se prostituir, como se a única coisa que lhe impedisse de anunciar a VAGINA no Mercado Livre fosse a sociedade hipócrita.

Se você realmente se considera acima do moralismo que condena a objetificação do próprio corpo, eu digo que vá em frente. Se prostitua, cobre caro e me envie um belo presente pelo empurrão.

Mas, o fato de você recorrer a mim, um moralista, como você mesma apontou, me diz que há algo na consciência que também lhe diz que essa não é a melhor saída.

A prostituição não é triste e degradante pelo fato em si. Não é pelos motivos machistas ou moralistas que a sociedade católica sempre aponta horrorizada. O que torna a opção tão estigmatizada é a coisificação em que ela implica.

Uma vez prostituta você pode ter um belo corpo, dinheiro para gastar consigo e segurança financeira, mas vai ser para sempre destituída de valores importantes: orgulho próprio e a oportunidade de desfrutar da intimidade de outra pessoa.

Talvez você considere que possa conciliar as duas coisas mas, a não ser que você mude para a terra encantada em que todos são livres de preconceitos, dificilmente você encontrará um marido que a respeite e poderá constituir família com a tranquilidade de quem pode chegar em casa e responder aos filhos aquela pergunta comum “Como foi no trabalho?”

Seja bem vinda à Sempreconceitolândia (o carro pertencia a um senhor que se mudou quando conheceu os emos)

É hora de raciocinar adiante. Vislumbrar o futuro que você espera pra você. O conselho da sua mãe, além de baixo, esquece-se de que a verdade sempre vem à tona.

Ao invés de te ensinar a esconder o passado, e com isso se sentir livre para fazer qualquer coisa sem consultar a consciência, ela deveria ter lhe ensinado que tudo o que fazemos torna-se parte da gente.

No fim das contas a escolha é simples: ou você se prostitui e vive uma vida solitária (já que não terá com quem compartilhar suas conquistas) ou aprende a lidar com o mundo como ele é: difícil e com infinitos obstáculos.

Você pergunta qual a diferença entre se vender e casar com um “bosta” por comodidade como se essas fossem as duas únicas opções. Se esquece de que há várias outras, como correr atrás e dar-se a oportunidade de conhecer alguém legal.

Meu conselho é que você esqueça os ditados da sua mãe e se espelhe no exemplo de sua amiga que, apesar de formada (coisa que você não é), se dedica a um emprego com o qual não sonhava (coisa que você aparentemente considera indigno de si) mas que não abriu mão dos valores que ela e o mundo real acham importantes.

Por fim, lembre-se: alguns passados realmente são como cozinha de restaurante vagabundo: sujo, com comida vencida e ratos. Mas nem todo restaurante é imundo, há os limpos e de ótima qualidade e, quando dada a opção de escolha, é lá que todo mundo prefere comer.

Update: Resposta dela

Bom, eu mandei o e-mail para o Divã do Sicko no dia 04 de Agosto… Como ele só respondeu agora, em 17 de Setembro, muita coisa mudou em mais de 1 mês.
Logo após a primeira semana, eu fui atrás de um site de acompanhantes bem famoso… Fiz as fotos com um fotógrafo indicado do site e em menos de dua semanas já estava tudo pronto.
Ainda bem que eu tinha um dinheiro guardado, porque até para virar GP você precisa investir -E MUITO!
No mesmo dia em que fiquei online no site, tive 4 ligações e “fechei” um programa para o mesmo dia. O consultor do site antes de me cadastrar tinha me explicado milhares de coisas, como seria, que tipo de comportamento eu teria que ter e etc… Fui super nervosa. Peguei meu carro e fui para o endereço do flat dele. Para minha surpresa, era um cara de uns 40 anos mas bonito, super educado, inteligentissimo e NÃO ROLOU SEXO. Ele queria apenas conversar e foi bem legal, ele desabafou os problemas dele, demos bastante risada, ela me pagou e eu fui embora. O segundo programa já foi “sério”. Também num flat, com um cara de uns 35. Rolou sexo, e por incrível que pareça não foi NADA fora do normal… Não me senti constrangida e não me senti mal, finalmente quebrei o tabu que existia na minha cabeça e depois disso todos os programas foram, de certo modo, bons. Em três semanas nisso, já passei por situações bem inusitadas (se continuar assim, vai até render um “Profissão LOL”!rsrsrs)… De 23 programas que fiz, 6 não rolaram sexo. Alguns queriam apenas conversar, outro me levou em uma balada para eu me passar por namorada dele na frente dos amigos e da EX NAMORADA. E teve um americano que simplesmente me pagou para ficar com ele no hotel onde ele estava apenas conversando, jantando, tomando vinho e jogando VIDEOGAME.
Em três semanas consegui ganhar aproximadamente nove mil reais. E agora eu sei e entendo perfeitamente o por que tantas e tantas meninas escolhem esse caminho.

Não quero de forma alguma incentivar outras meninas a fazer isso, até porque, eu não tenho orgulho do que estou fazendo.

Mas não é também esse inferno que grande parte dos leitores pensam ser.

A parte da “solidão” é muito foda mesmo… Mas eu não vou fazer isso para o resto da vida.
Fiquei um pouco assustada com o que “estaria por vir”, porque uma coisa é ler relatos na internet, outra é conhecer de fato alguém que esta nessa também… Decidi então tentar conhecer mais garotas de programa… Na primeira semana eu comecei a olhar todas as outras meninas do site, e liguei para umas três… As duas primeiras nem quiseram conversar comigo, mas a terceira foi um amor de pessoa e conversou comigo… Eu contei pra ela que gostaria de conversar pois estava cheia de duvidas e medos e etc. Enfim, conversamos bastante por telefone e saímos pra tomar um café. Foi ótimo, somos amigas agora e para ela eu sinto que é a mesma coisa que é comigo: Faltava alguém para conversar sobre a vida que ela leva.

Eu inventei uma desculpa para os meus pais, disse que estou fazendo em freelance com eventos, baladas e etc… E como eu já trabalhei com isso antes, eles sabem que os horários são bem aleatoreos e “engoliram” essa mentira.

Respondendo as perguntas mais frequentes no post anterior:

Não pessoal, não peguei nenhum cara “fedorento, nojento e asqueroso”, até porque quem se dispõe a pagar o preço que eu cobro, são homens com niveis socias e financeiros bem elevados.

Sim, eu já TENTEI ser modelo… Mas a menos que você tenha 1,80m e uns 39kg, não vira dinheiro não. Eu sou magra, tenho o corpo definido, mas bem “brasileiro”, 1,65m, cintura fina e bunda grande.

Sim, eu já mandei fotos minhas para o LOL, com outro nome. E tenho certeza que os idiotas que falaram merda de mim aqui são os mesmos pirralhos imbecis que fizeram centenas de comentários nas minhas fotos e me “homenagearam” no banheiro a semana inteira.

E enfim, eu não tenho o “cuzinho arrombado todo dia por qualquer velho gordo que aparecer” como um dos leitores disse aqui. Dos 23 programas que já fiz nessas três semanas, nenhum cliente me tratou mal – pelo contrário. O Cliente me liga, e eu tenho autonomia para dispensá-lo, caso o perfil dele não me agrade. E só para tirar a dúvida: Eu não sou obrigada a fazer o que eu não quero, tudo o que “pode ou não pode” é combinado antes do programa. E todos me respeitaram demais, até porque nenhum executivo rico quer ver sua imagem denegrida por uma GP fazendo escândalo no flat ou hotel em que esta hospedado, né?

Não, eu não quero “arrumar um idiota rico e dar o golpe do baú”, como várias pessoas aqui sugeriram. Acho muito pior vender minha DIGNIDADE, do que o meu corpo… E acreditem: Uma coisa não tem nada a ver com a outra.

E sim… Tenho total noção de que não serei bonita pra sempre e nem quero tornar isso a minha “carreira permanente”! Faço 25 anos semana que vem.
Minha meta? Começar o curso de Engenharia Quimica em 2011.

Agora eu queria agradecer o Sicko pela atenção e pela sensibilidade que ele teve comigo. Significou MUITO tudo o que você escreveu e me fez pensar muito, aliás, vai me fazer refletir muito ainda. Obrigada também a todas as pessoas que deixaram comentários legais, eu li todos. Me emocionei bastante com tudo isso e começo a acreditar de novo que existem pessoas legais no mundo, que se importam com os outros.

Beijos a todos!

“Scarletty”

Leave your vote

Comments

0 comments

loading...

411
Deixe um comentário

avatar
386 Comment threads
25 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
335 Comment authors
luizDanielleTom AngelripperdanizinhaBRUNO Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
tplayer
Visitante

Se você se preocupa tanto com os “conceitos morais” você é uma baita hipócrita que se prende a algo tão antiquado e sem sentido.

Desiste, você não serve para essa vida.

Fer
Visitante
Fer

Por fim, lembre-se: alguns passados realmente são como cozinha de restaurante vagabundo: sujo, com comida vencida e ratos. Mas nem todo restaurante é imundo, há os limpos e de ótima qualidade e, quando dada a opção de escolha, é lá que todo mundo prefere comer.

QUE COISA MAIS LINDAAAAAA

Callllos
Visitante
Callllos

Ué, faz o teste, vira GP, se tu não gostar do que a profissão oferece, volta pro mundinho moralista brasilis…ora bolas…

e tenho dito…

não esquece de postar o anúncio público, heh

tplayer
Visitante

Outra coisa Sicko.

O problema de vender o seu corpo seria o valor elevado do frete.

Alan E.
Visitante
Alan E.

Mande umas fotos pra averiguar-mos se realmente você tem bons dotes físicos, e lhe diremos o preço =D

Leandro Müller
Visitante
Leandro Müller

Porra virei fã do Sicko.

Preco
Visitante

Se a cozinha for suja, dá pra deixar ela de lado e começar a construir uma nova cozinha, pra combinar com o resto do restaurante

(porra, essa analogia foi muito ruim, mas entendeu né?)

Junior.
Visitante

Sensacional, Sicko! Aplaudindo de pé aqui ( e rindo muito, claro)

MattSCCP
Visitante

teu mal é fetiche, arruma um affair seu, e faz uma ceninha onde vc é a prostituta e ele é um rico empresário que vc resolve seu problema.. e se vc trabalhar para sites de acompanhantes, vai ter que aguentar velho babão montando na senhora, e não sei pq mas axo que vc pega homem por aparência, por isso só arruma idiota, vai pegar um nerd, nerds amam como ninguém. hUAHEAE

Ragnarson
Visitante
Ragnarson

exato! mande fotos para vermos se você tem talento para tanto. 😀

haha beijos querida

Minoru
Visitante

Porra, a menina veio com argumentos tão sólidos e reais que até colocou em cheque a MINHA visão sobre prostitutas. Ponto pra ela. E o sicko colocou uma opinião dúbia sem sujar seu próprio nome. Ponto pra ele também. xD Mas, ó… esquece o que o tplayer ali em cima falou. A moral é válida, sim. É a moral “antiquada e sem sentido” que faz com que possamos cobrar um mínimo de respeito sobre nossa pessoa. É o que eu penso. Mas depende da moral a qual tu tá se baseando. Se o que tu tá com medo é da… Read more »

wk
Visitante
wk

Tabu por tabu, em cima do muro as vezes é bom, mas é como aquele ovo retardado que fica em cima do muro… se ele decidir ir pra um lado não será mais ele. E sem volta… tá, semi aplicável.

Fêêh
Visitante
Fêêh

Poxa, se foi miss na escola, pq não tenta ser modelo? :/

haha
Visitante
haha

Wow, concordo com o Sicko. Bom.. Pode parecer uma profissão “fácil”, que gera lucro “fácil”. Mas nem tudo é flores, já vi/li diversas reportagens com garotas de programa, até um tempo passou uma na Band com o programa “A liga” onde eles acompanharam e entrevistaram garotos/garotas de programa , tanto de rua, como de puteiro e acompanhantes de luxo. Me surpreendi quando a acompanhante de luxo mesmo não sendo bonita, ou tendo um corpo escultural (o da minha namorada é muito melhor e de outras meninas aqui da faculdade) ela conquistou em uma noite com um único cliente 15 mil… Read more »

ricardo
Visitante
ricardo

faz isso nao moça…
quantos caras nojentos tera de aguntar…:S
sorte e alegresse para a vida..

Callllos
Visitante
Callllos

véio, GP não ta nem ae pra aparência do cliente, ela quer é o que tem na carteira dele…esse é o tesão dela..hauha

JP
Visitante
JP

Se for virar GP deixa o endereço ou o tel de contato que tenho interesse nos serviços!! obrigado!!

Gabe.
Visitante
Gabe.

Ah fiquei emocionadinha!

Me explica a mãe dessa menina! Isso é conselho que se dê?! Ao invés de ela ensinar a filha a ter amor próprio e se valorizar, podendo encontrar um cara legal, não! Fica incentivando a filha a ser biscate as escondidas!eita!

Espero que vc tenha ajudado a menina ^.^

loser
Visitante
loser

1º condições trabalhistas: HOJE “papai do céu” te deu um corpão, e amanhã? Já pensou na aposentadoria? Um dia ninguém mais vai querer te comer e pagar por isso. Além do que, uma vida farta é dificilmente largada quando se tem tudo fácil. Quando a grana cair na sua mão, o seu sentimento de independencia vai ser tão forte que, se o medo é “abrir pra família” o que vc vai dizer da grana? “Vou me mudar e não devo mais nada a ninguém” será mesmo? Você tem 24 anos e ainda depende da família (aparentemente, ao que mostra o… Read more »

Gabriel
Visitante
Gabriel

Pra mim, inteligência é o maior fetiche.

Second
Visitante
Second

TALVEZ A MELHOR OPCAO NAO SERIA MUDAR DE CIDADE??? PARA PROCURAR UM EMPREGO… NAO SE PRENDA AO SEU MUNDO… PROCURE NOVOS CAMINHOS…
E ACREDITE … A PROSTITUICAO NAO SERA NEM MIL,NEM 100, NEM 10 MARAVILHAS

bruno
Visitante
bruno

concordo em gênero, numero e grau com o Sicko!
mas, mostre-nos seu belo corpo para pordermos avaliar melhora situação!

Lexi Templeton
Visitante
Lexi Templeton

Hee não vou falar do que o Sicko falou(muito bem falado por sinal) mais tem outra coisa: Esse corpinho enxuto vc não vai ter pra sempre. Um dia ele vai acabar e vc não tera experiencia pra trabalhar com outra coisa e vai acabar num daqueles puteiros cheio de velhas. Mais o fato de sua amiga ter se formado e estar trabalhando num emprego aquem do que ela pretendia e a grande realidade porque e nescessario começar de baixo na maioria das vezes e pelo menos de cabeça erguida ela pode andar. Na boa, não tenho nada contra quem se… Read more »

Kiwi
Visitante
Kiwi

Scarletty, só pela cara do texto que você escreveu já dá pra ver que você não é uma mongolóide estúpida qualquer. Pode parecer babaquice minha mas o seu texto bem escrito mostra que você está longe de ser uma pessoa vazia e não sendo uma pessoa desse tipo, acho que ainda há esperança de você tentar alguma outra coisa.

Matheus
Visitante
Matheus

Prostituimos nossas horas do dia por tãso pouco pra iniciativa privada, não tem nadinha de errado e vc vender suas horas para alguém, já que, segundo vc, tem dotes fisicos para isso. Eu faço isso ha 3 anos onde more mas mantenho um trabalho fixo junto a isso, só tome cuidado, a prostituição no começo encanta, por mais que vc ganhe bem, não fique somente com essa opção, pois é como em todas as áreas, tem meses que bombam clientes, e tem meses que mal toca seu telefone, compre um chip de cel e um aparelho diferente dos que vc… Read more »

Regra 34
Visitante
Regra 34

No meu ponto de vista não há caminho fácil, ser GP dá a impressão que é, mas pode ter certeza que só vai se dar bem nisso se seguir pelo lado da desonestidade, assim como em qualquer outra profissão. Acho que só vale a pena virar GP caso seja pelo sexo (ai você seria vulgar), mas se for pelo dinheiro então tudo muda, você pode ser uma DEUSA, mas não vai ficar rica fazendo sexo, se isso fosse verdade todo mundo só iria trabalhar nesse departamento. Você tem apenas 24 anos, ninguém conquista a fortuna do Bill Gates com 24… Read more »

Natal
Visitante
Natal

Sinceramente…naum axo q esse seja o melhor caminho. O problema de todos nós, é que somos criados para seguir e alcançar sonhos, mas em momento algum somos “treinados” para suportar a falha. Não somos ensinados a superar um erro, a aprender com ele, entaum vivemos entre os tropeços de uma falha e outra. O caminho que vc parece ter escolhido eh bem tentador, como vc mesma disse tem vaios pontos fortes. Mas tente ler as entrelinhas de seus proprios argumentos. Se jah eh insuportavel o suficiente transar com alguem que vc conhece e tem um minimo de entendimento, imagine com… Read more »

Joao Inácio
Visitante
Joao Inácio

Bom, acho que você já deve ter as respostas. És muito bem resolvida com os conceitos impostos pela sociedade, isso já é um grande passo para se decidir. Ao contrário do que muito pensam essa decisão não é simples de se tomar (uma coisa óbvia de se dizer), mas não tão difícil de se lidar. A unica coisa que concordo com o Sicko é o fato de que viverá uma vida de solidão. Ninguém com proximidade sua aceitará de bom grado a sua profissão. O seu futuro marido não poderá saber disso, seus filhos. A mentira fará parte de sua… Read more »

rafa
Visitante

uma puta de luxo ganha mais do que eu vou ganhar , mas essa não deve ser uma profissao de longo prazo,uma hora e bem cedo vc vai ter que parar, intaum se for fazer mesmo isso veja se investa seu dinheiro e nao gaste tudo em vestidos

Minoru
Visitante

“Pra mim, inteligência é o maior fetiche.”

Duvido que tu pense nisso na hora do rala-e-rola.

.Doctor
Visitante

Particularmente, não pago por sexo.
E olha lá, não vai rolar cara bonitão e pirocudo na parada não, só velho broxa e feio rico.
Pensa bem, por que um cara que consegue de graça paga pra ter uma mulher frouxa e rodada? tsc tsc tsc… essa juventude tá uma merda mesmo.

E esquece, ninguem paga pra dar prazer a PUTA só para obtê-lo. Você não vai gostar de trepar com os clientes, continue com os idiotas.

Léo
Visitante
Léo

Ainda acho que vc tem q tentar o mclass por 1 ou 5 anos,

se não der certo pelo menos vc tem dinheiro pra kralho pq ali a que cobra menos cobra 500,00 e nao fica nem 1hr com o velho frouxo paumolescente e podre de rico ….

agora depois desses 5 anos nada der certo ae casa com um nerd … que pelo menos alguem pra jogar CS e ler o lolhehehe com vc isso vc vai ter …

e o melhor nerds amam de vdd <= ui q emo

A e em questao das fotos manda ae pra vermos o produto!!!

theBalamar
Visitante
theBalamar

força gata!

Chato
Visitante

Quase se formou em química? Com 24 anos? Nome que os rapazes não sabem pronunciar? Mãe realista? Lê Bukowski?

Mais de 10 fodinhas e mentiras para namorados?

Mora em São Paulo?

Porra, será que você é quem eu estou pensando?

Vejamos… Bom gosto é que nem braço: nem todo mundo tem?

Barba Ruiva
Visitante
Barba Ruiva

Preza Scarletty, Eu não veria problema em namorar uma GP. E que fique claro, uma GP, e não uma prostituta da augusta. Da mesma forma que eu não me importo com o passado “negro” das mulheres que saio. Aliás, se elas deram para mais de 30 caras quer dizer que elas sabem o que fazer, e que não possuem frescuras. Não tem coisa que mais me irrita do que mulher com frescura. Aliás “panela velha é que faz comida boa” e por velha, digo usada. 🙂 Quanto à sua dúvida cruel, acredito que você tem que buscar uma felicidade. Por… Read more »

yuri
Visitante
yuri

Antes de tudo, parabéns Sicko. Excelente comentário. Na minha humilde visão de mundo essa pobre coitada precisa urgentemente mudar os valores dela. Não pelo fato dela querer virar prostitura, mas pela fato dela achar que não tem outra saída na vida. Ser prostituta hoje em dia é muito bom, ainda mais pela remuneração.O problema é ela se acostumar com isso. Ela vai começar a ganhar 10, 15, 20 mil por mês, mas e depois? Como o coleguinha falou ai, o corpo arrumado dela não dura pra sempre. Ela terá condições de fazer o pé de meia dela, mas será q… Read more »

Eveline
Visitante
Eveline

Mais uma vez o Sicko disse tudo….

Long Live Sicko!!!!!!

Chang
Visitante
Chang

ela falou q ja foi 2 vezes miss do colegio e esta satisfeita com o corpo…acho q ela devia mandar fotos pra o povo do lolhehehe confirmar isso =D

Canibal
Visitante
Canibal

Uma pena que essa garota não se valorize de verdade, a ponto de se entregar a relacionamentos baratos…
Cogitar essa idéia da prostituição é muito estranha para mim. Sem falar os riscos inerentes à saúde. O sexo deveria ser mais valorizado… Na relação o sexo é o ápice da intimidade num relacionamento. Infelizmente, hoje já se banalizou…
Sei que estou sendo antiquado aos olhos desta nova sociedade, mas dane-se! Essa é a minha opinião!

Claudia F.
Visitante

Sicko!!!

Minha simpatia por você venceu todos os limites, vc é um cara 10!!! Sem sacanagem, vc é um cara inteligente, bom coração, gosta de animais (o que é o maior indicativo de caráter que uma pessoa pode ter), gosta de mulher (eu sou mulher isso é bom), e mesmo assim se depois destes conselhos honestos e maravilhosos que vc deu essa “menina” continuar com essa idéia, digo que ela é um caso perdido!!!

Parabéns!!!!
Bjs

Al Gore
Visitante

Scarlety,

Não precisa fazer isso, sou viciado em sexo e recebo uma bolsa de estudos, podemos morar com meu pai, quer casar comigo?

Henrique Mard
Visitante

Sicko dando lições de vida =D

Rafael Kuvasney
Visitante

Ela discute socialismo com os amigos e reclama que só namorou babacas? Minha filha, você já viu um homem de verdade discutir socialismo? Talvez o seu problema seja que vc não é lá muito fã da labuta (típico de quem discute socialismo). Ou to errado? Calma, filha, calma. Ser prostituta é o sonho de toda a mulher, mas nem todas assumem. É pq não deve ser tão simples assim… Se vc acha que todos os homens são babacas, arrume uma mulher e divirta-se com um vibrador, mas não generalize o mundo: é vc quem escolhe mal.

Rafael Slonik
Visitante

Sicko, esta é a melhor parte do lolhehehe, os textos do senhor são ótimos. Renderia um livro muito bom.

Quanto a situação da moça, ela deve pensar no que realmente importa para ela. Está negando as pressões sociais para não ser puta, mas quer ser puta pela pressão social em ter dinheiro e uma vida boa.

Na visão dela a sociedade é hipócrita ao não aceitar uma mulher que vende o próprio corpo, o que há de mais valor para uma pessoa, mas ela está sendo hipócrita em rechaçar a possibilidade de trabalhar em um emprego como Telemarketing.

Bruno Original
Visitante
Bruno Original

Pelo seu texto dah para ver q vc eh inteligente. Acho q o Sicko tocou no ponto central, que eh o orgulho, a auto-realizacao. Piramide de Maslow, certo? Dois dias depois de vc ter grana no bolso (jah que parece que o motivador principal eh a grana) vc vai querer subir na piramide…pense se vc vai conseguir realizacao pessoal fazendo isso…nao vou aqui discutir se eh errado ou certo ser puta, alias imagine a sociedade sem elas, O que seria do mundo sem a mais antiga das profissoes? Mas o ponto aqui eh vc e sua realizacao…nem todo mundo nasce… Read more »

CDN
Visitante

Scarletty,
Você escreve bem. Já pensou em usar isso com alguma imaginação e algumas coisas do seu passado?
Seria bem interessante.

Carlos Almeida
Visitante
Carlos Almeida

Cara, melhor resposta, impossível. De muito bom nível, em todos os sentidos (e também morais, afinal, moral não é uma coisa da “vovó”, mas sim algo que nos acompanha, assim como a cultura em que nascemos). Parabéns, Sicko. Virei fã também. =)

tommy
Visitante
tommy

se você for bonita mesmo, já tem 50% do caminho para um bom emprego percorrido, é fato que a aparência influencia e muito na hora de contratar alguém. não faça uma coisa hoje para se arrepender amanhã, algo que vai mudar completamente sua vida, pelo seu texto você é uma pessoa esclarecida, não faça nada por impulso, não tenha atitudes desesperadas, todos os sonhos são possíveis mas você precisa lutar por eles, força de vontade, existe muitos exemplos de pessoas que começaram do zero, em situações piores que a sua com familia e casa para sustentar e hoje são muito… Read more »

viniciuszz
Visitante
viniciuszz

achei que o sicko ia destruir a mocinha, porra, se isso não ajudar não sei o que vai

leo
Visitante
leo

na boa, não se trata de moralismo. até pq é bem mais dígno se prostituir do que ser fã de restart por exemplo, mas imagina só os caras nojentos, fedorentos, violentos e doentes com os quais vc vai cruzar nessa vida.
por mais que tentemos encarar isso com naturalidade, imagino que isso deva minar a auto-estima de uma pessoa.
mas, se vc acha q tem estomago para tal e fizer um precinho camarada, você já tem um cliente limpinho e gente boa.
boa sorte na decisão que vc tomar.