12 comentários

  • comuna ninguém precisa nem explicar, pq todo mundo já sabe… Também não precisa ficar catando UM que faça merda pq todos são…

    • A ancap é extremista, sempre vai ficar no campo ideológico. mas achar que a essência do capitalismo é o roubo é necessário muita lavagem cerebral para acreditar nisso. Nessa vida só existem duas opções, ou vc troca espontaneamente seus recursos e riquezas ou vc rouba de alguém.

  • Não to conseguindo ler o texto, Sicko.
    Obs.: to muito feliz de ter voltado

  • Assisti o vídeo todo na esperança dele rebater uma ideia Ancap, mas o vídeo acabou antes disso

    • Ele explica que o treco é todo uma não-ideia, uma demência tal qual marxismo cultural ou terraplanismo, não gosta nem de falar o nome!

      • Ele passa metade do vídeo explicando origem de termos e outra metade criticando liberalismo. Achei que ele ia explicar de forma clara o erro de ideias Ancap como ‘a menor das minorias é o indivíduo’, princípio de liberdade, propriedade privada e não agressão, a não existência de um grupo que tome decisões pelo coletivo, etc. Passou o vídeo inteiro e ele não mostrou o erro de nenhum argumento Ancap.

        • Ele fala que a parada é uma contradição em termos.

          Mas vou caçar outro, quero irritar ancap

        • Ele explicou, mas o ser ANCAP já parte da premissa de não ter entendido.

  • Esse debate saiu de foco já há alguns anos, muito ironicamente porquê o pessoal que se dizia “libertário”, defendia Estado mínimo e “liberdade de expressão” é o mesmo que agora defende ditadura, autoritarismo, fechamento do congresso e espancamento de jornalistas.

    Um detalhe é que Proudhon não foi o primeiro a usar a expressão anarquia mas sim anarquismo. Também é o primeiro teórico a usar a expressão socialismo. Lembrando que Proudhon é um teórico do iluminismo e do liberalismo. Foi contemporâneo e influenciou Marx.

Deixe uma resposta