A Metamorfose – Franz Kafka

“Quando certa manhã Gregor Samsa acordou de sonhos intranquilos, encontrou-se em sua cama metamorfoseado num inseto monstruoso”.

Assim começa um dos mais fabulosos trabalhos de de ficção absurda da história da literatura.

A história narra a triste vida de Gregor Samsa que trabalha duro para sustentar a família, um bando de parasitas. Gregor é objetificado: pelo chefe e pela família, que o vê apenas como uma fonte de renda.

Quando ele acorda e se descobre metamorfoseado em uma barata gigante, tudo muda. Gregor passa a ser um estorvo e a família se desintegra.

 

Você vai se sentir um lixo

A Metamorfose é o trabalho supremo sobre a opressão das responsabilidades financeiras sobre uma família, escapismo e culpa, especialmente culpa. É uma pena que muita gente pareça ser afugentada pelo livro – provavelmente por causa do nome estranho do autor e do fato de que é citado por 10 entre 10 pseudointelectuais que nunca o leram mas acham bonito fingir que sim.

Não se deixe intimidar. Kafka trata de assuntos profundos, mas escreve bem. Nada de enfeites e parágrafos de 300 linhas. Nada de raciocínios sinuosos. Me lembro de ter lido pela primeira vez quando ainda era jovem e de me surpreender com a fluidez da leitura.

A única ressalva que faço é: não leia em estado de depressão. O livro é extremamente depressivo e foi a primeira obra literária responsável por me fazer chorar.

Ainda assim, é um banho na alma. Uma experiência que engrandece qualquer ser humano.

Compre aqui

Ou aqui (edição mais barata, mas porca)

 

Veja outros livros da Essencial Biblioteca da Formidabilidade

Essencial Biblioteca da Formidabilidade – A Metamorfose

Categoria: Essencial Biblioteca da Formidabilidade
0

0 comentários

  • Esse livro é maravilhoso, ótima dica.

  • Poxa, fiquei interessado mas vou comprar a versão porca mesmo.
    Ui ui ui li kafka uahauhauahua.

  • "Nada de enfeites e parágrafos de 300 linhas."? Metamorfose, talvez não, mas O Processo, pqp!

    • Talvez porque O Processo seja posterior, mais longo e mais denso. Mas ainda assim, não acho inacessível. Mais tranquilo de ler que Saramago, por exemplo.

    • Carta ao pai então.

  • Também li quando era bem novo. Não me fez chorar, mas achei formidável. Irei ler novamente.

  • Kafka é um dos meus autores preferidos. É um dos poucos que conseguem através de um livro, transformar/mudar o pensamento e caráter do leitor.
    Só duas dicas:
    1) quem estiver interessado em ler as obras de Kafka em português, procure pela tradução do Modesto Carone por favor.
    2) leiam a biografia do Kafka. Sem dúvida, é uma das biografias mais interessantes (e deprimentes) que conheço.

    • basta ler Carta ao Pai, que mata dois coelhos com um tiro só: lê mais um livro do fabuloso kafka e ainda vê como a vida dele foi fudida apesar de que ele faz muito chororo

  • O Processo tem paragrafos longos, O Castelo também. Inclusive O Castelo foi o livro mais intrigante que já li na vida, não sei, mas parece que não o entendi até hoje, não sei se foi o que pensei ou não…
    A Metamorfose é excelente! Principalmente pra quem abre a visão acerca do livro, não fica preso apenas à ideia de que o cara vira uma barata e pronto. Tem todo um contexto social e psicológico por trás disso, o que torna este livro FORMIDÁVEL!
    Quem não leu não irá se arrepender, certamente! http://neoquiproquo.wordpress.com/

  • O Castelo é um livro inacabado. Tão bom quanto "A Metamorfose".
    "O Processo" eu ainda não li, mas gosto muito do filme do Orson Welles.

  • Esse eu tenho . muuito baaaum soooh = /

  • Putz, este livro é muito bom mesmo. Comecei a ler obrigado pelo professor de Sociologia, mas com 15 minutos de leitura comecei já estaava interessadíssimo… sumiu o sentimento de obrigação 🙂
    Recomendo!

  • Gostei de Metamorfose, mas a maioria das pessoas a quem indiquei não entenderam. É muito metafórico. Fiquei interessada na biografia citada. Promoções?

  • Só eu fiquei feliz com o final???

  • Metamorfose tem a mesma atmosfera claustrofóbica de Crime e Castigo.

  • Deixa de ser viado maluco, para de postar baboseira aqui e vai upar imagem para eu ver, flw.

  • livro introdutório ao universo kafkaniano…boa dica.

  • Ah, já li, a um tempão aliás ._.
    Meu professor de artes me emprestou.
    Acho que eu não entendi bem o livro então porque eu achei meio 'meh'. Nem lembro se cheguei a terminar na verdade

  • Quem ler e gosta desse, pode ler tambem O Processo, acho melhor que A Metamorfose, é mais denso, com um linguajar bem mais formal, e com um final me fez refletir muito.
    Um bom livro dele tambem é Carta ao Pai… bem pequeno, conta um pouco da relação dele com o pai.

  • Ah, lembrei do final, terminei sim. Mesmo assim achei 'meh'.
    Não devo ter analisado direito hm

  • Só um aviso: não comprem livros da Martin Claret. Ela tem o costume de plagiar trabalhos de tradutores e não lhes dar o devido crédito (afinal, é isso que um plágio faz).
    Fica aí a dica da versão porca. E, porra, são 4 reais de diferença. Comprem a versão decente.

  • Dica fabulosa do Mestre Sicko!

  • Livro bonit(ão). Descobri esses dias que existe uma "adaptação cinematográfica" RUSSA do livro, mas estou com receio de assistir.

  • Opa, mais um para minha lista.
    O próximo que tenho pra ler é um livro do russo Fiódor Dostoiévski, chamado Crime e Castigo, que diz minha chefe ser muito bom.

  • Foda!

  • Quando a gorda feia e chata postou foto dela com o livro, o Sicko criticou Kafka, agora ele recomenda, ai meu deus meu mundo acabou…

    • Critiquei? Está certo disso, amigão?

      • Não lembro direito eu bebo muito, criticou não é? nem a gorda chata?

        • Perguntei a razão dela estar com a porra do livro da mão (obviamente pagar de intelectual)

          • Então peço um nobre perdão pobre ser sendo julgado por minhas palavras fétidas, mais a gorda é chata demais.

          • Sim, é

  • Essa obra é maravilhosa! Também chorei ao ler. Estudo psicologia e tive a oportunidade de fazer um trabalho sobre esse livro, Franz Kafka é um gênio!! Para que sentiu-se tocado pela história de Gregor Samsa, aconselho fortemente a leitura de Carta ao pai, pode-se ter uma noção da dor existencial de Kafka.

  • Me dava uma agonia aquela história da maçã que eu tinha vontade de entrar na história e ir lá tirar pra ele, rs.

  • Peguei um pouco de trauma desse livro por 2 motivos: o primeiro foi porque fui OBRIGADO a lê-lo pra fazer uma prova na escola (para um pré-adolescente, qualquer obrigação torna a coisa desgostosa), o segundo foi porque isso aconteceu aos 13 anos de idade, um tanto quanto precoce pra esse tipo de leitura. Confesso que nunca mais cheguei perto desse livro mas essa sinopse do Sicko atiçou minha curiosidade. Bem provável que aos 26 anos eu o veja com outros olhos.

  • porra muito foda, li quando era mais muleque, acho que passei uma semana desiludido da vida assim na boa, o livro da um choque do que agente começa pensado que é crueldade do autor e depois termina mostrando piedoso com o carinha!

  • Conheço um cara que era formando em medicina, ganhou esse livro do Kafka, se fissurou por ele, leu todos, ficou louco por esse tipo de literatura, trancou o curso de medicina, passou no vestibular pra filosofia e hj, é professor de filosofia em escola estadual.
    ——————
    Mas… Eu já li esse livro, o Castelo, Carta ao Pai e digo que Kafka sabe escrever muito bem. E deprimir tb!
    Recomendo.

  • Bem que eu queria comprar, mas as duas versões estão indisponíveis :/

  • Só um detalhe. O original não mensiona "barata". Ele diz que Gregor se metamorfoseou em um "inseto gigantesco de dorso duro e inúmeras pequenas patas"… as traduções para o português geralmente deixam o texto simplório.

  • Sicko, caso aprecie Calvin e Haroldo: http://www.submarino.com.br/produto/1/23854059

  • muito bom esse livro, é estranho que um livro tao importante seja tao pequeno e facil de ler.
    uma vez ouvi falar que o texto "narra um episodio psicótico" ou algo assim… com tanta certeza e segurança que eu fiquei em duvida, mas eu sempre achei que fosse essa coisa de que ele é parte da familia enquanto ele é a fonte de renda e tem sua serventia, pra depois que se torna aquele estorvo tudo que ele já tenha feito seja esquecido, e embora saibam que é mesmo ele, com medo, assustado e fragilizado, deixam ele apodrecendo naquele quarto cada vez mais se transformando naquele animal irracional e movido pelos impulsos mais basicos. "enquanto ele tinha alguma serventia…"

  • Comprei ele hoje. O livro parece foda!

  • acabei de ler, mto bom =) vale mto a pena e é super rapidao de ler…

  • Lembrando que tem uma edição em quadrinhos feita pelo Peter Kuper, que é mais conhecido por desenhar as tirinhas do Spy vs Spy na Mad. Vale muito a pena!

  • Acabei de comprar O Estrangeiro e A Metamorfose. Paguei 23 nos dois na livraria cultura! Valeu pela dica!! Espero mais titulos!

  • Graças a você,Sicko:
    Comprei. Li.e me deprimi. :/

  • Não gostei. Fui no embalo depois de ouvir boas referências, já que eu gostei muito de O Processo e O Castelo, mas não gostei da Metamorfose, que mais me pareceu uma fábula, um conto quase infantil. Para mim, o Processo foi o melhor de Kafka.

Deixe uma resposta