Sergey Bogdanov, um russo de 28 anos, decidiu passar o feriado na Índia.  Ele estava na vila de Mandrem, que ele descreveu como pacífica e amigável, e decidiu visitar um templo religioso. Lá ele viu um sino que ele decidiu TOCAR.

Segundo ele, ele foi imediatamente arrastado por uma multidão de pessoas que o surraram, chutaram, agrediram com paus e pedras. No meio da confusão ele perdeu sua carteira e telefone. Sergey conseguiu escapar e chegar ao hospital, mas, ao saberem o que ele havia feito, os médicos se recusaram a socorrê-lo.

Do seu hotel ele conseguiu ligar para casa e sua mãe teve de viajar até o país para socorrê-lo. Agora ele pede ajuda ao presidente russo para voltar para casa.

Aparentemente o sino é tocado quando alguém morre, mas Sergey não sabia.

Veja como ele ficou:

 

 

 

 

Via Daily Mail

Quando na Índia não toque NENHUM sino

Categoria: Fotos
50

50 comentários

  • LOL o que é aquilo saindo da boca dele

  • esse esqueceu de usar o google ante de viajar xD

  • e como ninguem tinha morrido para o sino tocar, resolveram arrumar uma morte para o toque do sino

  • pessoal ficou puto pq ninguem morreu

  • Mais uma bela historia envolvendo o amor religioso <3

  • Cara,tem um rosto na sua necrose!

  • O Pais merece um RESET

  • Independete do que ele fez, isso não se faz com ser humano algum.

  • Você acha que nos engana duas caras?

  • Isso ta parecendo mais uma queimadura, o outro lado fico perfeito pq ?

  • Ou, quando estiver em um outro país, respeite sua cultura..

  • Caramba :O
    Valeu a dica kk

  • porra, harvey dent.

  • Se mete onde não é chamado otário!

  • Puta merda!

  • Russos…

  • Religião e suas bizarrices.

  • Pois é, é interessante pesquisar sobre a cultura e costumes locais antes de viajar. Pra não acontecerem incidentes indesejados.

  • Menção honrosa nos Darwin Awards pra esse aí.

  • Quando em outro país, conheça a cultura do mesmo, para não ficar como esse russo.

  • Tá, o sino é tocado quando alguem morre…. ai queriam matar o cara só pa ele tocou o sino?? O.o

  • Ficou com rosto igual ao do Gus Fring na sua última cena.

  • Religião fazendo religionisses. Nada de novo.

  • Queriam mata-lo para justificar o badalo do sino?! O_o’

  • Duas Caras?

  • Bando de animais cegos com a maldita religião, que geralmente prega bondade, mas apenas alguns conseguem interpretar de maneira correta.

  • Já pode sair de Duas Caras no carnaval.

  • Brincadeiras a parte, fica a lição: em terras estrangeiras, nunca toque em nada, principalmente em templos religiosos.

  • Bom.. quanta ignorância, reação meio extrema dos indianos, mas vai entender fanatismo.. Agora ele parece ter curtido a experiência.

  • morte aos indianos!

  • Que histórinha mal contada. Até onde eu sei, os sinos representam para os Indianos a harmonização das energias em um ambiente. O som é um poderoso instrumento de purificação e têm a função de corrigir o ritmo com que fluem as energias, atenuando os excessos e estimulando estagnações. Não acredito que isso tenha acontecido com esse cara. Com certeza o que aconteceu com ele não foi motivado por um simples toque de sino…

  • engraçado quando falam “religião fez isso e blá”.
    não é a religião que faz isso. é o fanatismo e a cabeça deturpada e doentia do homem. e você vê fanático fazendo essas atrocidades em qualquer espectro… religião, ideologia… até futebol. o problema não é nenhuma dessas coisas. o problema é o FANATISMO.
    procurar saber as doutrinas de cada religião antes de vomitar essas besteiras ninguém quer né?

  • Diferente de aqui no Brasil, que você grita palmeiras em certos lugares e leva um tiro na cara

  • Isso que dá desrespeitar a cultura alheia… Embora o ato dos indianos foi um pouco extremo demais…

    • não existe “um pouco extremo”… extremo é extremo… e em parte nenhuma do texto é dito que ele desrespeitou alguma coisa… era só a porra de um sino… como o cara ia saber?

      • Viajar pra um local sem conhecer a cultura e costumes é pedir pra coisa do tipo acontecer. Vá pra China e não arrote depois de comer que vc é mal agradecido, tem lugar que nosso “joia” é como mostrar o dedo médio. Se não viajou pra conhecer outro local e outros costumes foi pela zueira, acaba assim tanto lá quanto aqui.
        Ps: Foto foi parar ai sem querer e não consegui excluir….

  • Vai pro país dos outros procurando zoeira, olha aí, se fodeu!!! Com templos sagrados não se brinca.

    • Templo de cú é rola. O que tem de sagrado na porra de um sino escroto? A va.

      • Ou respeita uma tradição por bem ou na porrada de uma multidão. escroto e você que não tem respeito, deve bater na própria mãe.

        • Não faz o menor sentido justificar uma BOSTA de ação dessas fundado no respeito por um sino. Antes de ARREGAÇAR a cara de alguém dê a pessoa a chance de conhecer a tradição. A pretensa universalidade que as religiões reivindicam só acabam nisso, ódio e atitudes bestiais. Vão tomar no cu.

        • Sempre aparece um religioso para defender a ignorância. Aposto que esse escroto também tem uma desculpa para os estupros coletivos que lá ocorrem.

        • Você vem falar de respeitar por bem ou na porrada e eu que bato na própria mãe? Faça um favor a si mesmo e enfie sua opinião no meio do seu cú. Eu continuo achando um sino inútil e foda-se se você acha ruim. E se não gostou pede pro seu deus vir me castigar.

  • CA-RA-LHO!

  • Minha casa, minhas regras…

  • como o tocar de um sino pode ser mais importante que uma vida são por estes motivos que acredito em religião

  • You got me ringing Hell’s Bells

  • esses indianos, fedorentos a curry, são foda!

  • Russos

  • só no Brasil que o turista pode fazer o que quiser!! Tipo oq Justin biba fez, viva o Brasil o/

Deixe uma resposta