1 comentário

  • Acho interessante como as crianças são sempre imunes a essa esquizofrenia coletiva…

Deixe uma resposta