Há alguns posts deram CHILIQUE porque eu dei a entender que é ignorância a cultura de usar burca. Disseram que religião não se discute e justificaram dizendo que não cabe a ninguém julgar outra cultura.

POR QUE?

O que há de tão intocável na religião ou em qualquer cultura que impede que sejam questionadas? Devo respeitar e anuir com uma cultura que promove a pedofilia, o assassinato e a tortura, por exemplo? Argumentam como se nenhuma religião (criação humana) e nenhuma cultura (também criação humana) compartilhasse da principal característica do homem: o erro.

Discutir cultura e religião e, na verdade, qualquer outro TEMA, é essencial para que nos conheçamos melhor e para que o mundo continue a mudar. Enquanto acharmos que algo é intocável e sagrado só pelo fato de ser cultural ou pertencente a outra religião, teremos de conviver com estupro, violência contra a mulher e a criança, pessoas sofrendo e sendo queimadas ou apedrejadas vivas por serem gays, diferentes ou sob acusação de bruxaria.

Achei relevante esse post do Mail Online que mostra fotos de meninas, crianças, na verdade, obrigadas a se casarem com homens bem mais velhos (ou com outra criança), a se submeterem a uma vida iliterada, trancafiadas em casa sofrendo violência e abuso, em nome de uma religião ou cultura que, segundo muitos aqui, não podem ser contestadas.

Criticar é saudável, meus amigos. E pensar é grátis.