Mutabazi nasceu em Uganda e quando tinha dez anos fugiu do lar abusivo em que foi criado. Depois de viver nas ruas por um tempo, foi adotado por um homem que o criou. Eventualmente foi parar nos EUA, onde virou cidadão e passou a trabalhar em lares adotivos.

 

Quando ele ficou sabendo de Tony, um garoto de 13 anos que foi abandonado pelos pais adotivos quando tinha 11 anos, ele decidiu agir. Mutabazi já trabalhava como pai temporário, oferecendo seu lar como abrigo para crianças abandonadas até que uma adoção permanente fosse conseguida, mas no caso de Tony, abandonado pela segunda vez, Mutabazi decidiu ir mais longe.

 

Depois de um extenso processo judicial, Tony agora tem um lar e um pai permanente 🙂

 

 

 

Os dois têm um Instagram também